Guia explicativo: cristalização automotiva, entenda tudo sobre o assunto.

Guia explicativo: cristalização automotiva, entenda tudo sobre o assunto.

Para você que gosta de cuidar da aparência dos carros, garantindo aquela aparência de novo e bem cuidado, a cristalização automotiva certamente já foi uma possibilidade na sua mente. O mesmo pode ser aplicado sobre os donos de oficina procurando os possíveis cuidados de lataria para implementar no estabelecimento.

Mas é muito comum que nem todo mundo entenda sobre o assunto e resuma tudo como polimento, o que não é o caso. Aqui vamos te ensinar tudo sobre essa técnica de como conservar a pintura do carro e manter um aspecto bacana. Siga a leitura abaixo:

O que é cristalização automotiva?

A cristalização é um tratamento automotivo para dar mais brilho e manter uma maior camada protetora do carro, protegendo tanto a pintura quanto o verniz original. Ou seja, por meio dela é possível garantir que a sua lataria fique menos suscetível a sofrer danos de riscos, sol ou poeira. Lembrando que esse é um tratamento preventivo e, por isso, não funciona da mesma forma em carros já danificados.

De forma mais detalhada, a lataria passa por uma limpeza geral e um tratamento para retirar os restos de poeiras e fuligem que ficam grudados na peça, garantindo que a cristalização aconteça de forma mais eficiente.

Depois disso é usado um uma politriz – normalmente com discos de espuma ou lã, sendo a segunda mais agressiva – para aplicar um polimento leve, retirando os riscos e manchas mais suaves, para depois fazer a aplicação da resina protetora, muito semelhante à cera.

Afinal, vale a pena fazer cristalização automotiva?

Esse assunto, às vezes, causa certas opiniões contrárias. Mas de forma geral, sim. Entenda: os automóveis já vem com uma média de 3 a 4 camadas protetoras, mas infelizmente elas podem ser danificadas pelo uso muito regular do carro, exposição a longas horas de sol ou excesso de poeira.

Pensando dessa forma, para quem usa muito o carro ou comprou-o seminovo, a cristalização da pintura é um investimento importantíssimo para manter o brilho e a aparência do veículo. Ainda nesse assunto, é legal também conhecer um pouco mais sobre os segredos da pintura automotiva, para tomar as melhores decisões.

Agora, se você estiver pensando em implementar esse tipo de cuidado com os carros que aparecem em sua oficina, é importante que você encontre os materiais adequados para a prática. Por exemplo, ter diversas opções de discos para sua politriz é o primeiro passo para garantir melhor maleabilidade de cliente para cliente.

Cada carro vai aparecer em uma situação diferente e você vai precisar saber lidar com cada um. Além disso, os produtos para limpeza dos carros precisam ser os melhores, garantindo que nenhum tipo de sujeira seja cristalizada junto à lataria, afinal, isso poderia prejudicar drasticamente o resultado do tratamento. Se você está em busca dos melhores itens para funilarias ou tinturas, clique aqui.

Cristalização automotiva: preços, custos e onde fazer

Quanto ao fator preço, a cristalização de veículos tem um valor variado dependendo do tamanho do carro, da região do Brasil e do quão danificado ou sujo ele se encontra. Mas de forma geral, podemos dizer que os preços costumam ser, em média, de R$ 300 a R$ 500 para veículos médios e de R$ 500 a R$ 700 para carros maiores, em especial os modelos de picapes e SUVs.

Levando tudo isso em conta, nós recomendamos que você faça uma análise e comparação de preços entre as oficinas de sua cidade, comparando todos os fatores e buscando a opinião de outros clientes do estabelecimento, garantindo estar fechando negócio com profissionais realmente qualificados para um bom serviço.

Já quando falamos do seu próprio negócio, é sempre importante colocar um valor justo tanto para o cliente quanto para a sua situação. Tente colocar na conta o quanto foi usado de materiais, energia e do próprio tempo e força do funcionário para a aplicação, tentando lucrar uma média de 20% do que foi gasto.

Quais as diferenças entre cristalização, enceramento e polimento?

Não basta apenas entender o que é uma das formas de tratamento da lataria. Por exemplo, você sabe qual a diferença entre cristalização, enceramento e polimento? Porque eles são constantemente confundidos, mas são aplicações completamente diferentes.

Como já explicamos lá no início, a cristalização é uma ação preventiva, usada para manter o verniz e a tintura com maior proteção e brilho. Já o enceramento é aquele aplicado para remover pequenas manchas e riscos da lataria. O polimento, por sua vez, é usado para as mais pesadas, maiores e mais difíceis de serem remediadas. Existem também os modelos de polimento cristalizado, que podem ser aplicados tanto para tratar quanto prevenir.

Enfim, esperamos ter te oferecido todas as informações necessárias sobre cristalização automotiva, te ajudando a entender mais e investir em um cuidado novo para seu carro, ou serviço novo para sua oficina. Até a próxima!

Casa do Soldador

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços e personalizar nossa publicidade. Ao prosseguir navegando, você aceita esta política de monitoramento. Para mais informações, consulte nossa Política de Privacidade