Conheça a diferença de cada material de luva e seus benefícios

Conheça a diferença de cada material de luva e seus benefícios

As mãos são uma das ferramentas mais importantes da oficina mecânica. Elas também são esquecidas quando se trata de proteção no ambiente de trabalho. Ao investir em luva de segurança, o ajuste, a função e o nível de proteção exigido devem ser considerados. 

Mesmo lesões simples como arranhão ou corte pode definir o desempenho do profissional. Mas como escolher a luva certa para o trabalho? Muitos engenheiros experientes possuem ótimas técnicas para trabalhar com eficiência e sem danos. 

No entanto, as empresas têm o dever de cuidar dos funcionários. Vejamos alguns tipos de materiais para a proteção das mãos.

Luva de algodão ou tecido

Este tipo de luva fornece uma camada fina e respirável entre a pele do trabalhador e as ferramentas e materiais que estão em uso. Também é chamada de luva com forro. Elas fornecem proteção mínima contra riscos de perfuração, materiais irregulares, chamas abertas ou superfícies quentes. 

Além disso, elas criam uma barreira suficiente para evitar arranhões ou abrasões e manter as mãos do trabalhador limpas. 

Esses tipos de luvas geralmente são usados como uma camada de base sob uma luva maior ao trabalhar em climas mais frios. Assim justificando o nome luva com forro.

Alguns fabricantes adicionam um revestimento ao tecido para melhorar a aderência, aumentar a proteção ou adicionar resistência à luva.

Luvas revestidas

Estas são luvas de uso geral. Eles oferecem um nível mais alto de resistência a furos e cortes. Além de maior proteção contra a alcalinidade do concreto, como tijolos, e maior resistência química em comparação a uma luva de tecido padrão.

Existem luvas com diferentes revestimentos disponíveis, incluindo:

  • Látex: material elástico e flexível;
  • Nitrilo: desenvolvida com borracha sintética;
  • Poliuretano: luva anticorte e furos;
  • PVC: luva de proteção contra líquidos como ácidos e cáusticos.

Os tipos mais comuns são de látex e de PVC. O revestimento certo para seu par de luvas deve ser determinado com avaliação de risco sobre o trabalho exercido.

Embora este tipo de luva seja amplamente utilizado, alguns revestimentos são conhecidos por se tornarem menos flexíveis em temperaturas mais frias e terem menos propriedades de isolamento. Assim, permitindo que o calor escape das mãos.

Luva de couro

Luvas de couro têm uma ampla gama de usos e muitas vantagens. O couro é um material que oferece boa aderência, resiste a faíscas e protege contra superfícies afiadas ou abrasivas. 

Essa proteção continua mesmo quando as luvas são expostas a níveis moderados de calor, como o calor da soldagem.

As luvas confeccionadas com couro oferecem alta durabilidade e ótimo encaixe, mas são conhecidas por endurecer ou encolher se expostas a muito calor. Também conhecidas como luvas de alta temperatura. 

Este estilo de luva é amplamente utilizado durante a soldagem. E está disponível em uma variedade de revestimentos, como Kevlar ou de baixas temperaturas. A luva de couro é uma escolha muito completa para proteção industrial das mãos.

Escolher o modelo certa para você é muito importante e deve ser feito com base no tipo de serviço exercido, alergias e custos. 

Escolha modelos do tamanho certo para ter ajuste mais confortável e evitar que elas fiquem caindo. Dessa forma, reduzindo a chance de danos acidentais ou uso inapropriado.

O que achou dos tipos de luvas? Compartilhe esta postagem com seus amigos nas redes sociais para que eles também fiquem por dentro!

Casa do Soldador

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços e personalizar nossa publicidade. Ao prosseguir navegando, você aceita esta política de monitoramento. Para mais informações, consulte nossa Política de Privacidade